.Gostaria de ter a inteligência de Einstein, de ter a beleza interior de Gandhi, de ter a beleza física de Evangelista e a cultura de Damásio... Ah, e já agora, se não for pedir muito, a conta bancária do Bill Gates... sou apenas uma simples mortal!!!!!

.Catálogo por assuntos

 

.Janeiro 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.Em Tramitação...

. Depois de tanto tempo, o ...

. Uiiiii... que eu já não e...

. Cá venho registar...

. Johnny Neologista Mary

. Nada melhor para começar ...

. Sou só eu?

. Parabéns...

. Huuuuuummmmmmm...

. A indústria farmacêutica....

. E somos...

.Arquivo Definitivo

. Janeiro 2014

. Março 2012

. Janeiro 2012

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Janeiro 2011

. Novembro 2010

. Setembro 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

.Documentos Históricos

blogs SAPO

.subscrever feeds

Lilypie Kids Birthday tickers
Terça-feira, 15 de Setembro de 2009

Já alguma vez...

Se perguntaram o que andam a fazer neste mundo? Eu já! Várias vezes! E na maior parte dessas vezes a resposta que encontrei foi que ando cá para conhecer e interagir com seres humanos de todas as espécies e feitios... escusado será dizer que aqueles que fazem realmente a pena andarmos por cá, são aqueles que nos vão ensinando coisas magníficas! Tenho conhecido alguns!

 

Hoje um desses seres humanos ensinou-me algo maravilhoso: "Dicas sobre métodos pouco ortodoxos em que os pedagogos não acreditam!" A saber:

 

 

No caso de:

 

 

"...de bebés fofos e ternurentos... até lá tens que te mostrar muitoooooooo presente!!!! sobretudo sempre sorridente, calma, serena...como se o mundo lá fora não existisse rssssssssss tens que ter sempre tempo para brincar e contar mais uma história rsssssss rebolar no chão como se tivesses sempre cinco anos etc... etc....

 

 

P.S. ISTO QUE SEGUE É DESTINADO A ABORRESCENTES:

 

Segue sempre a voz do coração :))
Dá todo o mimo do mundo :))
Observa sem seres notada :))
Ouve, ouve, ouve muiiitooooo e fala pouco :))
Muito importante:
Nunca te esqueças que aquele ser não é parte de ti!
É um ser autónomo, pensante, com vontade própria e TU SÓ QUERES QUE ELE SEJA IMENSAMENTE FELIZ, independentemente das opções que venha a fazer :))
Nunca forces a intimidade dele!
Há um recanto de cada um de nós que é só nosso (lembra-te sempre de tudo quanto quiseste que não fosse do conhecimento dos teus pais rsss)

 

P.S. os nossos filhos são como os filhos de toda a gente rssss
chega o dia em que experimentam alcool, tabaco, fumam uns charros e  fazem sexo... e começam cada vez mais cedo rsss
(as meninas também :)))))))))))
P.S 2 - descobres que estás no caminho certo quando eles chegam a casa e te contam tudo...
P.S 3 - Ficas com o coração feito num oito mas ouves tudo serenamente :) e não dás conselhos de cota moralista! Tens uma conversa (se possível) coerente e adulta!

 

P.S 4 - Rezas para que tudo dê certo rssssssssssss"

 

 

A autora deste texto é apenas mais um ser humano fantástico que se cruzou no meu caminho, e que neste momento caminha lado a lado comigo e que SEMPRE me ensina coisas novas e maravilhosas como as que acabaram de ler!

 

 

Digam lá se não há coisas fantásticas????

 

 

Ah! Obrigada A. pelas dicas, são muito preciosas!

 

 

 

 

sinto-me:
publicado por JohnnyMary às 17:48

link do post | comentar | favorito
|
6 comentários:
De maebabada a 16 de Setembro de 2009 às 10:48
pois é tudo muito bonito...mas não, não estou preparada para pensar no meu filho a experimentar drogas ou a ter sexo....valha-me Deus!:o)))

beijocas
De JohnnyMary a 16 de Setembro de 2009 às 12:17
Não estamos mesmo nada! Eu sei! Mas é exactamente aí que está a questão, o ponto mais difícil de todos é aceitarmos que eles não fazem parte de nós, olhamos sempre para eles (e inevitavelmente, claro está) como uma extensão nossa, inconscientemente projectamos neles a nossa pessoa, com a nossa maneira de pensar, de agir, as nossas vontades, sonhos, etc, etc. e acabamos por nos esquecer da maneira de ser única deles, a mesma maneira de pensar, de agir, os seus desejos e sonhos, que são exclusivos deles!
Esta minha amiga é uma mãe com mil e uma razões de orgulho na sua prole, são 3 e este ano tem o mais velho convidado para prof. assistente no ensino superior, a do meio caloira e o mais novo ainda menor de idade, tb caloiro. :))) Está babadíssima e com razão!
De maebabada a 16 de Setembro de 2009 às 12:28
eu estava a brincar, mas mentiria se dissesse que ve-lo crescer gera em mim emoções duplas...
quanto a ele, por enquanto eu aceito bem as diferenças dele, conheço o feitio dele e não o pressione para ser diferente, por ex. ele não gosta de andar de escorrega, tem medo, não o pressiono, nem lhe digo: mas os outros andam...acho que os medos das crianças como os dos adultos são para respeitar:o)

beijocas
De JohnnyMary a 16 de Setembro de 2009 às 14:56
Totalmente de acordo

Beijocas
De Antes assim... a 16 de Setembro de 2009 às 12:29
Olha amiga, achei as dicas bastante interessantes ... não quero é imaginar-me já a ter de as seguir!!!
Beijinhos
De JohnnyMary a 16 de Setembro de 2009 às 14:57
Pois, não sei é se escaparás

Beijocas

Comentar post

Site Meter